Cloud Computing: conheça os principais tipos e suas aplicações
20938
post-template-default,single,single-post,postid-20938,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Cloud Computing: conheça os principais tipos e suas aplicações

quais são os principais tipos de Cloud Computing

As rotinas e processos das empresas são influenciados cada dia mais pela cloud computing. Por meio de recursos baseados na computação em nuvem é possível alcançar grandes resultados, tanto em segurança e agilidade quanto no crescimento.

E para isso é preciso conhecer o mínimo a respeito dos tipos de serviços encontrados no mercado. Por conseguinte, a adoção da tecnologia é imprescindível, desde que fornecida por uma empresa séria, pois a provedora do serviço será responsável pelo fluxo de informações que mantém a solidez da infraestrutura.

Então, para compreender quais são as principais modalidades de cloud computing é só acompanhar a leitura. Saiba como direcionar os recursos mais importantes e total foco no que realmente importa para o seu negócio crescer saudável!

Principais tipos de Cloud Computing

Vale ressaltar que existem inúmeras soluções oferecidas no mercado. E cada uma abarca as necessidades de forma específica, como a possibilidade de customizar um serviço exatamente de acordo com as suas exigências.

Contudo, há 3 modalidades de cloud computing que se destacam, tanto em eficiência quanto em custo-benefício, são elas: SaaS (Software as a Service); PaaS (Platform as a Service); IaaS (Infrastructure as a Service).

Cada um destes serviços apresenta similaridades em sua execução, isto é, atuando em nuvem são capazes de:

  • Viabilizar a execução de atividades e rotinas simples;
  • Proporcionar maior assertividade quando há complexidade na infraestrutura;
  • Desenvolver a estruturação necessária para comportar as necessidades do empreendimento.

Conheça as características intrínsecas a cada um dos tipos de cloud computing a seguir!

Cloud computing SaaS – Software como serviço

Esta modalidade de serviço de cloud computing é uma das mais conhecidas, por sua facilidade de implementação e customização. Dessa forma, vindo do inglês “Software as a Service”,  viabiliza à empresa contratante usufruir dos recursos e funcionalidades sem a necessidade de ter equipamentos físicos ou mesmo armazenar sistemas e programas em sua rede local.

Por meio da utilização de softwares baseados em uma rede online (nuvem) a empresa atinge a escalabilidade das rotinas apenas pelo acesso à internet. Assim, tal facilidade, aliada ao baixo custo e potencial customização, possibilitam o fortalecimento da infraestrutura de forma externa e confiável.

PaaS – Plataforma como serviço

O sistema PaaS em cloud computing é voltado às empresas que costumam desenvolver diferentes aplicativos corporativos. Desse modo, o serviço Platform as a Service, além de permitir a criação de aplicações, realizada na nuvem, possibilita que a empresa contratante consiga testar, analisar, gerenciar e executar todas as suas ações.

IaaS – Infraestrutura como serviço

O serviço “Infraestrutura como Serviço” permite às empresas adquirirem apenas o volume de recursos que necessitam. Em outras palavras, funciona como um serviço sob demanda, já suas ferramentas e funcionalidades são disponibilizadas por grandes infraestruturas, como Data Center.

Por sua vez, a empresa contratante utiliza e aplica os recursos do IaaS diretamente dos servidores e data centers, a fim de aprimorar e tornar ainda mais sólida sua infraestrutura interna, sempre com facilidades advindas da tecnologia na nuvem.

Quais benefícios cada modelo de cloud computing oferece

Nesse sentido, conforme os tipos de cloud computing se tornam específicas aos empreendimentos, os benefícios alcançados também são únicos. Veja o que cada modelo oferta em termos de vantagens em sua implementação!

Software as a Service (SaaS)

Esta é a modalidade que mais gera satisfação entre os usuários, pois os custos relacionados ao SaaS são reduzidos. E isso acontece por não ser necessário realizar uma validação, aquisição ou mesmo efetuar o licenciamento do software que será implementado.

Dessa forma, é necessário apenas solicitar a contratação do serviço desejado. Entre outras vantagens temos:

  • Facilidade de implementação, pois é preciso apenas criar o perfil de usuário e ter um bom acesso à internet;
  • Maior acessibilidade e segurança, uma vez que a empresa responsável pelo serviço possui todas as credenciais de segurança;
  • Otimização quanto à integração do software com outras ferramentas operacionais;
  • Despesas com manutenção e atualização reduzidas, pois a própria fornecedora é responsável por tais aspectos.

Platform as a Service (PaaS)

Como esse serviço é voltado para o desenvolvimento de aplicativos, os benefícios de sua contratação são evidentes, isto é, não há exigência de desenvolver ou mesmo investir em infraestruturas complexas.

Além disso, o próprio serviço já vem pré-programado de fábrica e dispõe de praticamente todos os recursos fundamentais para a execução dos processos. Proporcionando assim, rotinas mais escaláveis e simplicidade em sua utilização.

Infraestructure as a Service (IaaS)

O tempo em que era preciso contratar toda uma gama de ferramentas apenas para utilizar um terço disso, ficou no passado. E prova disso é justamente o tipo de cloud computing IaaS.

Começando pela redução considerável dos custos, além de garantia da escalabilidade do investimento baseado nas demandas da empresa. Afinal, é possível contratar apenas um pacote que condiz com as rotinas mensais. Veja outros pontos importantes:

  • Economia na contratação de equipamentos/infraestruturas e manutenção;
  • Serviço baseado na escalabilidade, pois é possível aderir a planos maiores ou menores de um mês para o outro, sempre considerando as necessidades do negócio;
  • A infraestrutura dos servidores e data centers são providos da mais nova tecnologia em segurança, gerando maior confiança em sua utilização.

Agora, fica a seu critério definir qual o melhor formato para o seu negócio. Em suma, a cloud computing não é apenas mera ferramenta que os empreendedores podem negligenciar, isto é, se tornou uma referência competitiva e deve ser levada a sério.

Se tiver interesse em aprofundar seu conhecimento acerca do tema, não hesite em nos procurar, pois temos o que há de mais moderno em soluções baseadas na nuvem, acesse e saiba mais!