6 formas de reduzir custos no RH de maneira inteligente - SISPRO
24106
post-template-default,single,single-post,postid-24106,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

Quer reduzir custos no RH? Veja 6 formas de fazer isso de maneira inteligente

reduzir-custos-no-rh

A área de Recursos Humanos deve ser uma área estratégica dentro das organizações, reduzir custos do RH é um dos ganhos em escolher essa opção, dentre tantos outros. Com a redução de custos, as empresas tornam-se mais lucrativas, rentáveis e, consequentemente, aumentam os seus diferenciais competitivos

Ao adquirir um aspecto mais estratégico, as empresas passam a ter mais meios para investir em novos produtos e otimizações. A atuação do RH não pode se restringir apenas a contratação de novos colaboradores, quando atua de maneira estratégica, essa área passa a oferecer recursos consistentes para realizar mudanças e melhorar o posicionamento de mercado das organizações. 

A forma mais estratégica do setor de RH pode acarretar diversos ganhos, porém ao longo do texto vamos lhe apresentar alguns dos pontos que levam as empresas a esses resultados, mas antes você precisa entender o motivo da área de Recursos Humanos ser tão importante para as empresas. Ficou curioso? Acompanhe o texto abaixo!

Qual o papel do RH dentro das organizações?

Independente de todas as definições apresentadas, não é novidade que nos últimos 10 anos a área de Recursos Humanos/ Gestão de Pessoas está sofrendo uma transformação. Passou de uma função totalmente transacional e burocrática, para atuar de uma forma mais estratégica e otimizada, agregando mais valor aos negócios. Mas a pergunta que fica é: Será que as organizações já alcançaram o mais alto potencial estratégico do RH?

Assim como outras áreas dentro das organizações, o potencial da área de Gestão de Pessoas ainda é pouco aproveitado, ou seja, subutilizado. Essa área ainda é vista como a gestora de contratação, treinamentos e acompanhamento dos processos de gestão de pessoas

Hoje, é uma tendência nas áreas de Recursos Humanos, a gestão por competências, pois esta possibilita que a própria área seja mais estratégica nas organizações. Esse tipo de modelo de gestão privilegia as principais competências comportamentais dos profissionais. As habilidades específicas fazem com que os colaboradores se identifiquem com a cultura interna da empresa e, assim, cresçam de forma conjunta.

Por fim, o papel da área de Recursos Humanos é fazer com que os processos funcionem da melhor forma possível dentro da rotina de cada organização e, desta forma, conseguem conceber profissionais de alta performance e que geram bons resultados. 

Como o departamento de RH pode ajudar a sua empresa a reduzir custos?

Uma das principais partes de tornar a área de Recursos Humanos mais estratégica, é a redução dos principais custos operacionais. Essa é uma ótima forma de potencializar o lucro da sua empresa e o RH pode ser um aliado para isso. 

Antes de qualquer coisa, é necessário que o RH entenda as estratégias de formas específicas e focadas na redução dos custos, maneiras essas que não podem prejudicar a eficiência das equipes e nem a qualidade do trabalho delas. Essa redução precisa ser realizada de forma cautelosa, para que assim os erros não aconteçam em uma proporção relevante. 

Por conta disso, primeiramente, é preciso produzir um plano de economia para a empresa, levando em consideração a qualidade de trabalho e os resultados. É preciso também identificar todas as oportunidades de crescimento organizacional, a partir da análise do perfil profissional de cada um dos colaboradores.

Será a partir desse novo planejamento realizado de maneira estratégica, que a sua empresa poderá visualizar os gastos desnecessários que são realizados, gastos esses que não geram resultado nenhum para o seu negócio. 

Existem diversas formas de se fazer isso, quando a empresa tem um modelo de negócio focado em indústria, é imprescindível adquirir alguma solução tecnológica para otimizar todos os processos e produções e, consequentemente, gerar mais retorno financeiro para a organização.

Então, é sim papel dos profissionais da área reduzir custos no RH, buscando maneiras estratégicas para que não aconteçam gastos desnecessários. 

Veja abaixo algumas formas de fazer isso de maneira inteligente. 

Veja 6 formas de reduzir custos na área de RH

Definimos 6 dicas para que a sua empresa reduza os custos desnecessários a partir da área de Recursos Humanos, confira:

1 – Automatização de processos

A burocracia dentro da área de RH é algo real. A área ainda é desenvolvida a partir de processos manuais, demorados e bastante burocráticos. A automatização desses processos é a ferramenta mais utilizada pelas empresas para reduzir os custos, principalmente em RH. 

Ter à disposição da equipe um software que englobe todas as tarefas do setor e, que elimine o uso de planilhas e papéis, pode economizar o tempo de todos os profissionais e os recursos financeiros da empresa. Com um software adequado a empresa ainda consegue ter outras funcionalidades além da automatização, mas que sejam igualmente efetivas, para isso os processos internos precisam ser mapeados para saber do que realmente a empresa precisa. 

A redução pode ser a médio ou longo prazo, mas é importante que a escolha da solução tecnológica seja realizada, levando em consideração as necessidades da organização. 

2 – Facilitar as jornadas de trabalho

Facilitar as jornadas de trabalho das equipes afeta diretamente a evolução da produtividade dos profissionais e na redução da necessidade de pagamento de horas extras. Isso pode ser feito de várias formas, a mais utilizada delas é direcionar os colaboradores para executar atividades que tenham prazos estipulados, sem ter a necessidade de sobrecarregá-los. 

Ter foco somente em atividades específicas otimiza a rotina do profissional e o estimula a crescer, trabalhar e, consequentemente, faz com que a equipe seja mais ágil e produtiva. 

3 – Adotar o método do Banco de Horas

Os gastos com coisas desnecessárias podem desequilibrar a situação econômica de uma organização. Ao final ou início do mês, as empresas definem uma programação de contas a pagar e esses gastos, como em pagamento de horas extras, afetam muito o caixa da empresa no final das contas. 

Por conta disso, a dica é adotar o Banco de Horas, pois nesse caso a compensação só é realizada em função do acordo coletivo previsto com antecedência e a legislação que está em vigor. Por acaso de algum colaborador exceder essa jornada de horas de trabalho, o tempo deve ser recuperado folgas, aumento de férias etc. Para isso é importante que as regras estejam bem definidas, assim como todas as outras coisas referentes ao Banco de Horas. 

4 – Férias coletivas para reduzir as despesas

Algumas organizações são bastante resistentes em relação a aplicação de férias coletivas, pensando somente no quanto podem lucrar durante o período de final de ano (Natal e Ano Novo). Porém, essas organizações não levam em conta o fato de que existem custos para manter a empresa aberta e acabam assumindo o risco de não ter o retorno financeiro previsto antecipadamente e, também, de iniciar no ano com saldo negativo. 

Esse formato de férias é utilizado com uma estratégia para reduzir as despesas, já que para algumas empresas existem períodos mais vantajosos que os outros, então é preciso analisar com atenção essa hipótese. Quanto menos funcionários trabalhando em épocas de pouco movimento, menos energia é gasta, então vale a pena levar isso em consideração. 

5 – Treinamento para os funcionários

A partir do momento que as empresas destinam recursos financeiros para a capacitação profissional de seus colaboradores, consequentemente, elas evitam demissões e novas contratações. Dar subsídio para o crescimento profissional dos talentos internos é mais proveitoso, uma vez que o salário é uma consequência dos resultados obtidos. Todos os processos que envolvem as áreas de DP e RH são muito burocráticos, por isso, nada é mais lucrativo do que fazer com que a equipe esteja cada vez mais capacitada. 

6 – Invista em tecnologia!

O investimento em tecnologias de ponta promove diversos benefícios, que vão muito além da otimização de tempo dos colaboradores. A tecnologia, ao longo dos anos, tornou-se uma grande aliada na redução de custos dentro das organizações, além de no caso do RH, auxiliar a gestão de pessoas. 

Essas plataformas também têm o domínio de melhorar a comunicação interna das empresas, desta forma, as equipes trabalham alinhadas às expectativas das organizações, além de tornarem-se mais produtivas. 

Como a tecnologia da SISPRO auxilia a sua empresa nesse processo!

A ferramenta que mais influencia os processos da área de Gestão de Pessoas ainda é a automatização de processos burocráticos. Qualquer organização que esteja atenta às demandas de suas equipes preza por uma solução eficiente ao seu dispor. Se você, Gestor, pensa assim, a solução  SISPRO Gestão de Pessoas  é a mais eficiente para sua empresa. 

Com nossa solução sua empresa não precisará mais se preocupar com os processos burocráticos, toda nossa tecnologia de ponta faz o serviço e ainda oferece dados para embasar todas as decisões realizadas pelos gestores. Ficou interessado e quer saber mais detalhes sobre o nosso sistema? Conheça nosso SISPRO Gestão de Pessoas e, se tiver interesse, peça uma demonstração do nosso produto, nossa equipe está a postos para atendê-lo.