Cultura empresarial: como ela sofrerá rupturas causadas pelo Coronavírus
21985
post-template-default,single,single-post,postid-21985,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Saiba como a cultura empresarial sofrerá rupturas causadas pelo Coronavírus

como o coronavírus impacta a cultura empresarial

A verdade é que nenhuma empresa estava preparada para a onda de impacto que o Coronavírus gerou no mundo, e não é necessário nem dizer que isso tem ocasionado incontáveis problemas, mas hoje falaremos sobre a ruptura da cultura empresarial.

Esse é o momento que os empreendimentos buscam formas de atingir um equilíbrio, tanto financeiro quanto da saúde de todos. Logo, a cultura empresarial está em jogo e deve ser abaulada de forma permanente. Exigirá, então, de gestores e empresários, o discernimento para compreender como lidar com essa nova realidade.

Indo além, o grande desafio será acomodar as transformações do pós-pandemia, pois nada deverá ser como antes. Portanto, é fundamental que você saiba como o Coronavírus promete criar rupturas na cultura das empresas. Confira!

O Coronavírus e a cultura empresarial: o que esperar dos próximos meses

Quando se pensa em mudanças em uma empresa causada por gargalos externos e fora do seu raio de ação, a primeira coisa que vem à mente é o financeiro. Sim, sem sombra de dúvidas, um dos setores mais impactados será o caixa do negócio, mas não apenas isso.

Logo, podemos citar a forma como todos os processos eram executados. Fosse na integração de profissionais intersetoriais, no contato direto entre diretores, gestores, líderes, colaboradores e fornecedores.

Tudo isso praticamente foi transformado e ainda deverá ser moldado por muito tempo, a fim de estimular a eficiência como era anteriormente. Queremos chegar ao ponto do distanciamento social, do contato direto, do isolamento e quarentena da força de trabalho de uma empresa.

É justamente aí que a cultura empresarial sofrerá uma ruptura extraordinária. Prova disso é a reviravolta imposta no cotidiano das pessoas. Um profissional há anos em uma empresa, se vê na obrigação de ficar em casa, mas ainda assim desempenhar suas funções costumeiras.

É por isso que o Home Office (trabalho à distância) é foco das muitas ações, e acabou se tornando uma maneira de contornar o problema urgente. O que queremos dizer, é que mesmo o cenário aquecido do pós-pandemia, fará as empresas repensarem seu método de trabalho.

Afinal, mais do que visto foi comprovado que o trabalho remoto pode trazer grandes benefícios, desde que acompanhado da tecnologia usual da empresa.

Como isso funcionará na prática, tecnologia e ruptura na cultura da empresa?

Tecnologias integradoras serão mais presentes do que nunca, pois haverá a demanda de assegurar um rendimento sólido. E uma saída, sem dúvida alguma, reside no ERP na nuvem, sistema capaz de garantir que o negócio atue mesmo à distância.

Ele será o responsável por “conectar” uma ponta a outra, ou seja, o profissional em casa aos processos na empresa.

Inclusive, o software de gestão empresarial já está sendo utilizado para essa finalidade hoje. E indica que é sim um eixo para absorver qualquer ruptura empresarial que a pandemia do Coronavírus possa ainda trazer.

Na realidade, o ERP é eficaz ao sobrepor basicamente todas as adversidades que o distanciamento da empresa apresenta.

Isso porque objetivos estão se cumprindo, metas estão sendo batidas e a sobrevivência, ao que tudo indica, está se mostrando uma verdade inegável, e tal fato não possui precedentes, uma vez que a maioria esmagadora dos empreendedores nunca presenciou um cenário de crise tão preocupante como esse.

Como encarar a nova realidade empresarial de 2 ângulos positivos

1 – O que acha de fazer isso com economia e redução de custos

Embora pareça uma interação impessoal, afinal, videochamadas possuem essa característica, os ganhos com economia de tempo, representam ganhos econômicos à empresa.

É uma ação totalmente automatizada e instantânea, assegurando, além da segurança de cada profissional, tempo hábil considerável à resolução de processos e demandas.

Dessa forma, a redução de custos à empresa vem em forma de menos deslocamento e mais agilidade para executar atividades diárias, sejam elas internas ou mesmo com os clientes.

2 – Ganhos sólidos em produtividade e fortalecimento da imagem da empresa

Se você considerar que o método de trabalho à distância garante mais acuracidade nos processos, reuniões e tomada de decisão, a produtividade de todo o time é alavancada de forma considerável, que é precisamente o que rege esse momento, ou seja, agilidade na entrega e resolução de pendências, não é mesmo?

Dizemos por experiência própria, o cliente está atento como nunca esteve. Portanto, um posicionamento condizente com sua visão geral da situação favorece sua empresa, fortalecendo a marca como atualizada e voltada a encarar as mudanças necessárias.

Para encerrarmos, é importante associar as rupturas à cultura empresarial de forma antecipada, objetivando superar cada obstáculo encontrado daqui em diante. Se é de tecnologia que seu negócio precisa, a SISPRO pode ajudar.

Venha conhecer as ferramentas que oferecemos para te ajudar a passar por esse momento turbulento!