Sistema integrado de gestão: entenda em definitivo o que é
21322
post-template-default,single,single-post,postid-21322,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Afinal, o que é um sistema integrado de gestão? Entenda em definitivo

o que é sistema integrado de gestão

Você sabe o que é sistema integrado de gestão? Ter uma gestão cada vez mais eficiente e produtiva é o desejo de qualquer negócio, e não à toa. Afinal, em um mercado tão competitivo, uma gestão otimizada é fundamental para ajudar o negócio a superar a concorrência e gerar muito mais resultados gastando menos.

E uma das ferramentas que podem transformar a gestão de uma empresa, reduzindo custos e aumentando a lucratividade, são os sistemas integrados de gestão. Utilizados por empresas de todos os portes, esses sistemas ajudam o negócio a melhorar todos os seus processos internos, dando muito mais autonomia para o gestor.

Mas, afinal, o que é um sistema de gestão integrado? Se você tem essa dúvida e quer entender como esses sistemas podem auxiliar na gestão do seu negócio, continue lendo esse artigo.

O que é sistema integrado de gestão? 

O uso de tecnologia é quase obrigatório para empresas que querem aumentar sua eficiência, e disso você provavelmente já sabe. No entanto, algumas pessoas ainda acham que utilizar planilhas ou documentos guardados no computador é a melhor forma de usar a tecnologia a favor da gestão.

Elas não podiam estar mais erradas. Os sistemas integrados de gestão servem exatamente para facilitar a vida do gestor disponibilizando todas as informações que ele precisa para administrar os setores do negócio.

Também conhecido como SGI, os sistemas integrados disponibilizam em um único local informações e dados sobre todos os setores, incluindo indicadores de desempenho e a possibilidade de acompanhar todo o negócio em tempo real. O papel desses sistemas é automatizar tarefas, fornecer informações que ajudem o gestor a reduzir custos, aumentar a eficiência da empresa e outros.

Existem vários modelos de SGI, e um dos mais eficientes, principalmente para a gestão de empresas, são os sistemas integrados ERP, como você verá logo a seguir. 

Sistema integrado ERP 

Dentre os SGI, o mais famoso e utilizado pelos negócios certamente é o ERP (Enterprise Resource Planning). E não à toa, afinal, esses sistemas foram feitos para possibilitar uma gestão focada em resultados e planejamento.

O ERP permite que o gestor acompanhe todos os processos internos, desde a compra de suprimentos, até a produção e gestão de estoque. Tudo isso em um único sistema, sem precisar acessar diversas planilhas, e com dados atualizados automaticamente.

E as vantagens dos sistemas integrados ERP não param por aí. No próximo tópico, confira alguns dos pontos que tornam o ERP a melhor opção para a gestão da sua empresa. 

Quais as vantagens dos sistemas integrados ERP? 

Agora que você já entende o papel de um sistema integrado ERP, pode estar se perguntando sobre as vantagens de apostar nessa tecnologia em seu negócio. A verdade é que não existe uma única vantagem, e investir em um bom ERP também fará toda a diferença para a gestão da empresa. Mas existem alguns benefícios que se destacam, e decidimos reuni-los para você. Confira!

1. Centralização dos dados 

Se você já passou pela situação de procurar os dados sobre o estoque de um determinado período, e simplesmente não encontrou no meio de tantas planilhas e gráficos, não se preocupe. Esse problema é mais comum do que você imagina e dá dor de cabeça em muito empreendedor.

Apesar de planilhas ser uma forma de guardar informação, não é muito eficiente para uma gestão focada em resultados. Isso porque uma gestão eficiente precisava que a administração de todos os setores esteja integrada.

A vantagem de usar um ERP da Sispro é que todas as informações dos setores da empresa estão disponíveis em tempo real em um único sistema, que pode ser acessado de qualquer lugar. 

2. Segurança da informação

A segurança da informação é outro detalhe que deve fazer parte da preocupação do gestor. Isso porque todos os dias a empresa gera centenas de informações relacionadas ao setor de vendas, estoque, financeiro e etc.

Ter essa informação em mãos a qualquer momento é importante, mas tão importante quanto é garantir que esses dados não sejam perdidos. Um ERP integrado garante que todas as informações estão na nuvem, disponíveis quando o gestor mais precisar. 

3. Redução de custos 

O principal objetivo do ERP é garantir que o gestor ganhe poder de administração, enxergando pontos de melhorias nos processos da empresa.

E a vantagem disso é que é possível reduzir custos e aumentar a lucratividade do negócio. Com a geração de relatórios detalhados, o gestor pode acompanhar indicadores de desempenho importantes e investir em estratégias para a melhoria de processos internos.