Sispro e Audicompany firmam acordo para atender demanda do CIAP- Bloco G do SPED Fiscal - SISPRO
5553
post-template-default,single,single-post,postid-5553,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

Sispro e Audicompany firmam acordo para atender demanda do CIAP- Bloco G do SPED Fiscal

Acordo permitirá a oferta de software e pacote completo de serviços de auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados relacionados à demanda do Fisco

A Sispro – Serviços e Tecnologia para a Administração e Finanças, e a Audicompany, empresa especializada em serviços de consultoria e auditoria nas áreas fiscal, tributária e contábil, acabam de firmar uma parceria para atender às empresas que necessitam cumprir exigências do Fisco relacionadas ao CIAP, criado para que os contribuintes do ICMS possam obter os créditos nas aquisições de bens para o ativo permanente a partir de regras diferenciadas para cada segmento de mercado. Pelo acordo, a Sispro oferecerá sua tecnologia de software e serviços, enquanto a Audicompany oferecerá a auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados relacionados ao CIAP- Bloco G do SPED Fiscal.

O acordo é resultado da movimentação que o SPED Fiscal tem promovido nas empresas neste ano de 2010 para atender às novas exigências relacionadas ao CIAP e que faz com que as empresas tenham que entregar informações de acordo com as regras vigentes, evitando o risco de envio de dados incorretos ao Fisco, o que pode resultar em multa e outras perdas.

“O objetivo desta nossa parceria é facilitar o trabalho dos profissionais administrativos, controllers e contabilistas neste processo”, comenta Marlon Martins, diretor-executivo da Audicompany. “Para se ter uma idéia da situação nas empresas, a mais recente pesquisa da Sispro sobre o assunto revelou que muitas empresas não efetuam o controle dos créditos através do Livro CIAP e, portanto, não estão preparadas para atender às novas exigências do SPED Fiscal. Iremos oferecer à estas empresas um pacote de serviços de auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados, além do software Sispro, que viabiliza o cumprimento do que está estabelecido pelas novas regras do Fisco”, explica o executivo.

O diretor da Audicompany também lembra que, ainda em 2010, estas empresas deverão entregar as informações relativas ao controle do CIAP dos últimos quatro anos e que a partir de janeiro de 2011 elas terão que apresentar o Bloco G – CIAP corretamente e no prazo, demanda obrigatória das companhias que utilizam o benefício dos créditos de ICMS sobre o ativo imobilizado. “Como se vê, estas empresas já têm muito trabalho e podem não dar conta de tudo”, ressalta.

Lourival Vieira, diretor de Marketing da Sispro, considera que esta parceria com a Audicompany proporcionará elevado valor para as empresas que estão enfrentando dificuldades em atender às demandas do SPED Fiscal. “Voltando aos resultados de nossa última pesquisa, notamos que a situação pode se agravar para estas companhias caso elas demorem em iniciar este processo de controle do CIAP. O ano já passou da metade e muitas delas ainda nem começaram estes trabalhos. Elas e seus profissionais devem se movimentar rapidamente para não deixar para a última hora esta tarefa de organização do controle sobre o crédito do ICMS nas compras para o ativo imobilizado determinado pelo SPED Fiscal”, afirma o executivo.



 
Blog

Sispro e Audicompany firmam acordo para atender demanda do CIAP- Bloco G do SPED Fiscal

Acordo permitirá a oferta de software e pacote completo de serviços de auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados relacionados à demanda do Fisco

A Sispro – Serviços e Tecnologia para a Administração e Finanças, e a Audicompany, empresa especializada em serviços de consultoria e auditoria nas áreas fiscal, tributária e contábil, acabam de firmar uma parceria para atender às empresas que necessitam cumprir exigências do Fisco relacionadas ao CIAP, criado para que os contribuintes do ICMS possam obter os créditos nas aquisições de bens para o ativo permanente a partir de regras diferenciadas para cada segmento de mercado. Pelo acordo, a Sispro oferecerá sua tecnologia de software e serviços, enquanto a Audicompany oferecerá a auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados relacionados ao CIAP- Bloco G do SPED Fiscal.

O acordo é resultado da movimentação que o SPED Fiscal tem promovido nas empresas neste ano de 2010 para atender às novas exigências relacionadas ao CIAP e que faz com que as empresas tenham que entregar informações de acordo com as regras vigentes, evitando o risco de envio de dados incorretos ao Fisco, o que pode resultar em multa e outras perdas.

“O objetivo desta nossa parceria é facilitar o trabalho dos profissionais administrativos, controllers e contabilistas neste processo”, comenta Marlon Martins, diretor-executivo da Audicompany. “Para se ter uma idéia da situação nas empresas, a mais recente pesquisa da Sispro sobre o assunto revelou que muitas empresas não efetuam o controle dos créditos através do Livro CIAP e, portanto, não estão preparadas para atender às novas exigências do SPED Fiscal. Iremos oferecer à estas empresas um pacote de serviços de auditoria e revisão de procedimentos, mapeamento dos dados, além do software Sispro, que viabiliza o cumprimento do que está estabelecido pelas novas regras do Fisco”, explica o executivo.

O diretor da Audicompany também lembra que, ainda em 2010, estas empresas deverão entregar as informações relativas ao controle do CIAP dos últimos quatro anos e que a partir de janeiro de 2011 elas terão que apresentar o Bloco G – CIAP corretamente e no prazo, demanda obrigatória das companhias que utilizam o benefício dos créditos de ICMS sobre o ativo imobilizado. “Como se vê, estas empresas já têm muito trabalho e podem não dar conta de tudo”, ressalta.

Lourival Vieira, diretor de Marketing da Sispro, considera que esta parceria com a Audicompany proporcionará elevado valor para as empresas que estão enfrentando dificuldades em atender às demandas do SPED Fiscal. “Voltando aos resultados de nossa última pesquisa, notamos que a situação pode se agravar para estas companhias caso elas demorem em iniciar este processo de controle do CIAP. O ano já passou da metade e muitas delas ainda nem começaram estes trabalhos. Elas e seus profissionais devem se movimentar rapidamente para não deixar para a última hora esta tarefa de organização do controle sobre o crédito do ICMS nas compras para o ativo imobilizado determinado pelo SPED Fiscal”, afirma o executivo.