RH estratégico: como aplicar esse modelo de gestão - SISPRO
24081
post-template-default,single,single-post,postid-24081,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

RH estratégico: 10 dicas para aplicar esse modelo de gestão

RH estratégico

O RH estratégico é um método de gestão para a área de Recursos Humanos, que tem como objetivo otimizar os processos e as tomadas de decisão da área, com auxílio de tecnologias. Visando sempre o crescimento e a lucratividade da organização. 

O RH estratégico tem diversas funções, o que certamente diferencia do conceito de RH que já é conhecido no mundo, aquele que é ligado a todas as funções operacionais da área.

Sendo assim, é mais fácil saber quais NÃO são as funções do RH estratégico: realiza o recrutamento e seleção por e-mail, faz uso de planilhas para triagem e organização de currículos, as tomadas de decisões são baseadas em achismos etc. Então, tudo que é baseado em retrabalho, burocracia, processos que ainda sejam realizados de forma analógica, não são funções de um RH que se diz estratégico. 

“Mas o que é preciso ter ou fazer para que a área de RH da minha empresa se torne uma área estratégica?”. Se essa dúvida também faz parte do seu dia a dia, leia o texto abaixo até o final, pois vamos tratar de pontos considerados chave para o sucesso do seu RH!

RH 4.0

Você já deve ter escutado falar desse conceito, o RH 4.0 é um fenômeno que está ligado ao conceito de Indústria 4.0, que também é conhecida como Quarta Revolução Industrial. A transformação do RH como todos já conhecem para o RH 4.0, acontece após a indústria ser impulsionada pelas soluções tecnológicas e pela tecnologia em si, que trouxe para o dia a dia do mercado a automação de processos baseada em inteligência artificial, que era considerada uma ferramenta do futuro. Então, a função do RH 4.0 era capacitar essa força de trabalho para o novo momento do mercado, que tivesse foco em gestão de pessoas e, ao mesmo tempo, tivesse um olhar mais humano.

Depois da chegada da automação, o mercado precisou mudar. Os profissionais de diversas áreas tinham medo de serem substituídos por máquinas, porém não era isso que o mercado precisava, o mercado “criou” profissionais mais adaptáveis e preparados para esse novo momento.

E claro que a área de RH não ficou de fora, também precisou se reinventar, para que pudesse aproveitar melhor as tecnologias de automação, para que elas se tornassem eficazes. E foi assim que a transformação começou até chegar no formato do RH estratégico, que se bem estruturado consegue trazer muitos benefícios para as empresas. 

Benefícios do RH estratégico 

Todos os benefícios e resultados que essa estratégia pode trazer para sua empresa não será possível elencar, mais abaixo fizemos uma seleção dos principais benefícios gerados pelo RH estratégico. 

Os principais benefícios de aderir ao RH estratégico são:

– Otimização do tempo de trabalho das equipes;

– Aumento da produtividade das equipes;

– Melhora nos processos de seleção e contratação de novos colaboradores;

– Reduz a rotatividade de funcionários;

– RH passa a ser focado em estratégias e resultados;

– Tomada de decisões mais analíticas e assertivas.

Confira 10 dicas de como aplicar o RH estratégico na sua empresa

Elencamos 10 dicas iniciais que você pode aplicar na área de RH da sua empresa para que o setor se torne estratégico ou ainda mais estratégico. 

1 – Seja um agente de transformação dentro da sua empresa

Primeiro de tudo: você precisa saber o que você almeja alcançar dentro da organização. A partir daí a sua postura vai precisar ser condizente para você conseguir evoluir para um novo protagonismo. A mudança de atitude e a dedicação são os pontos principais para conquistar a confiança dos superiores, para assim conseguir participar das tomadas de decisão. Por isso é importante você saber que tipo de profissional você é, antes de tudo. 

2 – Defina metas para a área de RH da sua empresa

Neste momento não se pode mais pensar na área de RH como um setor que cria os processos e coloca os mesmos em prática. Agora é o momento de ser e pensar estrategicamente, pois a partir daí o processo de se tornar de fato estratégico fica mais fácil. 

Assim que os gestores traçaram os principais objetivos da sua área, todos os integrantes da equipe deverão trabalhar para concluí-los. Por mais básica que seja a meta é importante deixá-la bem definida, pois o mais importante é que essa meta seja alcançável e mensurável. 

3 – Torne o RH da sua empresa um dos principais pilares da organização 

Antes de aprofundar o conhecimento em conceitos da área de RH, como suas responsabilidades, desafios e as principais tendências, é importante saber o quanto o papel de protagonismo que a área de Recursos Humanos desenvolve e o quanto essa área pode se tornar estratégica. O RH é responsável por toda a intermediação entre empresa e colaboradores, o que faz com que ele precise ser verdadeiramente estratégico. 

Nesse sentido, a área RH deve ser considerada uma das mais importantes pilastras de uma empresa. São os profissionais dessa área que trabalham para criar atividades que alinhem o negócio com as estratégias da empresa, como: reter, treinar e desenvolver talentos, para que eles possam se tornar especialistas nas suas respectivas áreas de atuação. E, assim, continuar fazendo da empresa um negócio competitivo. 

4 – Descentralize as informações

As informações hoje em dia não estão mais centralizadas em uma área apenas e, se na sua empresa ainda estão centralizadas apenas em uma área, é um erro, mas por incrível que pareça é um erro comum da área de Recursos Humanos. Para resolver isso recorre-se sempre a automação de processos, pois somente ela é capaz de resolver esse assunto. 

A centralização dessas informações acontece, pois todo o processo está em um local apenas e, isso impossibilita que os demais colaboradores possam ter acesso aos dados. Esta centralização de dados complica a análise de informações importantes pela própria equipe e até pela gestão da empresa. Com a automação é possível que tais informações fiquem disponíveis a todos os usuários cadastrados no sistema que a empresa tiver adquirido, além de poder realizar consultas e movimentações de outros locais físicos.

5 – Fomente a cultura colaborativa e uma gestão horizontal

Apoiar as mudanças culturais e buscar o desenvolvimento das equipes de trabalho é uma parte importante da atuação da área de Recursos Humanos. Desenvolver uma cultura organizacional menos engessada e burocrática é um trabalho árduo, mas que é necessário. 

Fomentar uma cultura organizacional colaborativa e uma gestão horizontal depende de uma modernização das próprias organizações, pois empresas com culturas mais rígidas não dão espaço para as mudanças e, é papel do RH bater de frente com essas ideias hierárquicas e preparar gestores e diretores para uma realidade nova e preparar os colaboradores para que tenham autonomia. 

6 – Fortalece a comunicação organizacional

A comunicação organizacional nada mais é do que um recurso utilizado pelas organizações para falar com os seus públicos, tanto interno, quanto externo. A partir da comunicação realizada entre uma organização com os seus públicos, a imagem da empresa começa a ser consolidada junto ao mercado organizacional.

A comunicação organizacional é um assunto de grande importância dentro das empresas de todos os segmentos de atuação, a falta dessa comunicação influencia no crescimento, desenvolvimento e sobrevivência das organizações. É importante ter uma área de comunicação bem estruturada para realmente “agregar valor ao seu negócio”. 

7 – Invista em planejamento estratégico

A partir de agora, todas as ações deverão ser pensadas e realizadas em prol da construção de algo melhor e mais sólido, atingindo os objetivos definidos. Por isso é imprescindível que haja um planejamento de área. Nele deve constar os treinamentos das equipes, os eventos internos e externos etc. É preciso ter todos processos que ajudarão a área a atingir seus objetivos incluídos nesse planejamento. 

8 – Cuide das pessoas 

O papel primário da área de Recursos Humanos é cuidar das pessoas. Primário porque antes de tudo vem o cuidado com as pessoas e o trabalho do RH vai muito além de recrutar, treinar e calcular gastos. O RH é o alicerce do desenvolvimento dos colaboradores e da organização em si e consegue fazer isso através do alinhamento de propósitos e de práticas de gestão que possam sustentar esse processo. 

O RH estratégico vai além de benefícios, a atuação dessa área deve ser voltada 100% para as pessoas. Motivações e estímulos devem ser oferecidos para que os colaboradores melhorem seus resultados. Quando o foco no colaborador leva em consideração as particularidades de cada um, a organização tem como agir para manter todo mundo engajado. E, para isso, é necessário reunir informações qualitativas sobre a gestão de pessoas, esta é mais uma função do RH estratégico, utilizando dados e indicadores a favor da organização. 

9 – Desenvolva os seus líderes!

É importante que as equipes de direção e gestão da sua empresa participem de forma ativa na propagação da sua cultura organizacional. Os gestores e diretores são as pessoas certas para espalhar os ideais da empresa, como missão, visão e valores.

A partir deles é possível começar a construir a ideia principal que a empresa quer passar, seja para o mercado, para a sociedade em geral ou para futuros colaboradores. Esta não é uma tarefa fácil, porém é alcançável e deve ser desenvolvida a partir de treinamentos, assim todo o processo já fica alinhado e a área de RH garante o engajamento de todos com a cultura da empresa. 

Ter sucesso com o desenvolvimento de lideranças internas é um desafio da atualidade nas organizações. É preciso sensibilidade para identificar profissionais com aptidões e perfil de liderança, para que assim eles possam ser capacitados para desenvolver todas as ações da empresa, além de terem a capacidade de aliar competências técnicas e comportamentais. 

10 – Invista em tecnologia

Com o auxílio de sistemas de RH desenvolvidos justamente para otimizar a execução de processos operacionais, os profissionais passam a ter mais tempo para exercer funções estratégicas, mensurando os indicadores de RH e, ao final, propondo ações que ajudem nas tomadas de decisões. 

Porém, nem todas as organizações se adaptaram a esse novo presente, muitas ainda vivem um modelo de RH mais “quadrado”, tornando-se mais suscetíveis às mudanças do mercado corporativo. 

As atividades que demandam mais tempo da área de Recursos Humanos são as operacionais, são os processos de seleção e recrutamento. Um RH estratégico precisa otimizar esses processos, substituindo planilhas por uma solução tecnologia de recrutamento e seleção. Reparem que nada substitui a parte humana do processo, mas visa evoluir o recrutamento, fazendo com que os currículos sejam analisados em larga escala e de uma forma mais objetiva. 

Esta solução fornecerá dados e, esses dados são imprescindíveis para as tomadas de decisões. Com o auxílio da tecnologia você consegue automatizar o processo e aproveitar mais os candidatos. E aí, a sua empresa ainda está vivendo no passado? Atenção! Essa é a hora de repensar o seu RH e, nesta parte a SISPRO pode te ajudar, temos um dos softwares de Gestão de Pessoas mais completos do mercado!

Conheça a solução SISPRO Gestão de Pessoas!

A função que mais influencia os processos e otimiza as tarefas da área de Recursos Humanos é a automação. Qualquer empresa que se preze tem ao seu lado uma solução eficiente e que atende todas as suas demandas da área de Recursos Humanos e Gestão de Pessoas. E neste quesito a SISPRO tem propriedade para falar! Com a solução SISPRO Gestão de Pessoas a área de RH da sua empresa não precisa mais se preocupar, toda tecnologia mais avançada do mercado é utilizada para desburocratizar os processos, otimizar o tempo da equipe e trazer dados para embasar todas as decisões feitas pelos gestores. Ficou interessado?

Conheça nosso SISPRO Gestão de Pessoas e, se tiver interesse, peça uma demonstração do nosso produto, nossa equipe está a postos para atendê-lo.

Leia também: “Módulo SISPRO Gestão de Pessoas aperfeiçoa processos”