Mais de 150 empresas no Amazonas já podem usar nota fiscal de consumidor eletrônica - SISPRO
4764
post-template-default,single,single-post,postid-4764,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

Mais de 150 empresas no Amazonas já podem usar nota fiscal de consumidor eletrônica

Lançado há menos de um mês, novo Portal Estadual da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e), já possui mais de 150 empresas do Amazonas cadastradas e que estão aptas a emitir o documento para os seus clientes.
O portal foi desenvolvido pela Empresa de Processamento de Dados Amazonas S/A (Prodam), para facilitar o atendimento ao usuário e de acordo com a Secretaria de Fazenda do Estado do Amazonas (Sefaz-AM), tem sido bastante acessado na busca por informações sobre cadastro e para emissão dos documentos online.
De acordo com o chefe do Centro de Estudos Econômicos e Tributário da Sefaz (CEET), Sergio Figueiredo, nas últimas semanas, os serviços mais acessados no portal nfce.sefaz.am.gov.br foram o download do Emissor Gratuito de NFC-e, a Cartilha e a lista de Perguntas e Respostas (FAQ). 

 

“O número de emitentes (empresas aptas a emitir a NFC-e) ultrapassou a marca de 100 estabelecimentos. O Amazonas foi o primeiro Estado a atingir esta marca. Já são 138 empresas emitindo NFC-e no Estado, em praticamente todos os segmentos do varejo”, pontua.
Outro recurso disponibilizado pela Sefaz que está sendo muito acessado é o download do Aplicativo para Smartphone, também desenvolvido pela Prodam, para plataformas Android e iOS. O aplicativo permite a consulta da NFC-e pela leitura do QR-Code, o código de barras bidimensional impresso no comprovante da NFC-e e está recebendo avaliações positivas dos usuários.
A Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e) é o novo documento fiscal que será adotado por todos os estabelecimentos comerciais do Amazonas até o final de 2014. O novo sistema permite que a Sefaz receba em tempo real as notas emitidas no comércio varejista, por meio da internet.
A NFC-e pode ser emitida em qualquer tipo de plataforma: desktops, notebooks, tablets e até celulares. O consumidor poderá consultar a validade a qualquer momento, pelo Portal Estadual da NFC-e ou pelo Aplicativo Mobile.

Fonte: “em tempo online” via FENACON