Descubra a diferença entre certificado digital e assinatura digital!
26313
post-template-default,single,single-post,postid-26313,single-format-standard,ehf-footer,ehf-template-sispro,ehf-stylesheet-sispro-child,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-7.6,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

A diferença entre certificado digital e assinatura digital

certificado-digital

Em 2020, no decreto 10.278, foi divulgada a previsão legal que equipara documentos digitais aos documentos físicos. A partir disso, diversas dúvidas começaram a surgir em relação a como seria garantida a validade dos materiais digitais, já que essa é uma questão fundamental para a gestão de informação de contratos. Assim, entram em cena o certificado e a assinatura digital, que a cada ano se popularizam mais no Brasil. 

Por isso, continue nessa leitura e descubra a diferença entre certificado digital e assinatura digital!

Certificado digital X Assinatura digital

Apesar de serem frequentemente confundidos como iguais, esses dois termos se diferem bastante em suas funções. Além disso, são complementares na hora da utilização. 

Certificado digital

O certificado digital é a identidade do meio virtual e é assegurado por um par de chaves criptografadas emitidas pela ICP Brasil. Ele funciona como um CPF ou CNPJ e tem a função de garantir a identidade da pessoa ou empresa na hora de lidar com o documento digital. 

  • A importância desse certificado se dá pelo fato de que é ele que atesta a integridade do documento, além de que traz consigo uma assinatura com validade jurídica e fiscal.

Vale ainda destacar que o certificado digital é inviolável, o que garante muita segurança para transações que contam com essa tecnologia.

Assinatura digital

Desde 2020, no decreto 10.543 esse tipo de assinatura tem a mesma validade das assinaturas físicas. A assinatura digital é o que valida um arquivo digital e, assim como o certificado, ela funciona por criptografia e é inviolável. 

  • A importância da assinatura digital se deve à autenticação do arquivo digital, ou seja, sem essa assinatura o documento não é valido para fins de prova legal ou fiscal sobre uma transação.

Como certificado e assinatura se complementam:

Vamos considerar como exemplo para essa explicação uma empresa que acabou de receber um contrato digital e precisa agora assiná-lo. 

Depois de lido e revisado o documento, para que esse contrato tenha validade e seja autenticado, é preciso assinar. Então, é feito o seguinte procedimento: anexagem do certificado digital ao documento e realização da assinatura digital. 

  • Ficou claro? O “fluxo” de validação e autenticação passa por primeiro, se identificar (certificado) e depois assinar. 

Assinatura digital e eletrônica: sinônimos?

Muitas pessoas acreditam que assinatura digital e assinatura eletrônica são sinônimos, o que não é verdade. A assinatura digital se diferencia da eletrônica por utilizar criptografia e exigir certificado digital. Na assinatura eletrônica não são usados recursos criptográficos nem certificado. 

O impacto dessas tecnologias no mundo corporativo

Quando documentos digitais não eram reconhecidos e validados, as empresas dispendiam uma grande quantidade de recursos para aprovar e transitar negociações que, nos dias de hoje, são feitas de modo ágil e otimizado. 

Então, confira 4 benefícios que o certificado e assinatura digital trouxeram para as organizações:

  1. Segurança – tanto o certificado quanto a assinatura são invioláveis e ao menor sinal de adulteração, perdem a validade instantaneamente. Isso assegura proteção e sigilo das informações, garantindo conformidade legal para a empresa. 
  2. Fluxo de trabalho eficiente – se antes as negociações atrasavam pela ausência de alguma parte que estava fora e não poderia assinar o documento na data prevista, agora, com poucos cliques tudo é resolvido. 
  3. Otimização de recursos – com os documentos digitais, o custo da empresa com papel é significativamente reduzido, e junto disso, eliminam-se os gastos com postagem e arquivamento. 
  4. Comodidade – a possibilidade de analisar e validar contratos de qualquer lugar e a qualquer hora economiza o tempo que antes era gasto com deslocamentos e adequação de agenda, gerando uma experiência muito positiva para os clientes. 

 

Elabore contratos corretamente e utilize as vias digitais de validação

Atualmente, o principal uso do certificado e da assinatura digital é para a autenticação de documentos contratuais. Pensando nisso, preparamos um material exclusivo para ajudar você no processo de gestão de contratos