Boletos bancários - novas regras para pagamento - SISPRO
4232
post-template-default,single,single-post,postid-4232,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-23911
 
Blog

Boletos bancários – novas regras para pagamento

Mudanças impostas pelo Banco Central entram em vigor nessa sexta-feira

O pagamento de boletos bancários passará por mais uma mudança na próxima sexta-feira, 28. Títulos com valor igual ou maior a R$ 250 mil só poderão ser liquidados por meio do Sistema de Transferência de Reservas do Banco Central do Brasil – BACEN e irão exigir indicação do CNPJ ou CPF dos envolvidos na transação, além de endereço e nome do beneficiário.

A mudança, que segundo o Banco Central traz mais clareza e segurança, atende às Circulares nº 3.598 e nº 3.656, que padronizam a forma de emissão dos boletos bancários. Entre outras regras, ficou estabelecida a diferenciação entre dois tipos de boletos: os de cobrança, vinculados à existência de uma transação comercial; e os de proposta, que não possuem qualquer vinculação, o que desobriga o pagamento.

Para os clientes que efetuam o pagamento de boletos por meio de arquivo eletrônico, é necessário um ajuste em seus sistemas para que, se o valor for igual ou maior que R$ 250 mil, possam informar o CPF e o CNPJ do próprio pagador e do beneficiário.

28/06/2013 – Fonte: Giro News