O eSocial está chegando e já é uma realidade. Atenção aos prazos! | SISPRO
10064
post-template-default,single,single-post,postid-10064,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

O eSocial está chegando e já é uma realidade. Atenção aos prazos!

eSocial

O que já é comum entre empregadores domésticos desde 2015, passará a ser realidade em todas as empresas com faturamento acima de R$ 78 milhões a partir de janeiro de 2018. O ambiente de testes estará disponível a partir de julho deste ano. É muito importante que até lá as empresas complementem e corrijam as informações contratuais, adaptem seus processos e integrem seus sistemas.

Mesmo com ampla divulgação dos novos formatos e prazos exigidos pelo eSocial, muitas empresas ainda não estão preparadas!

Sem dúvida o RH será o setor mais impactado com estas mudanças. Por isso é tão urgente mudar a cultura da empresa, revisando os processos para entrega das obrigações trabalhistas, além de mudanças nos sistemas.

Muitas informações que não são cobradas hoje serão necessárias para o eSocial. Por este motivo os processos de contratação, férias, afastamento, desligamento, transferência entre empresas, e outros, precisam ser revisados e adaptados. O governo vai colocar em prática a legislação e, consequentemente, identificar não-conformidades das empresas.

Os colaboradores também devem fazer a sua parte e avisar a empresa caso haja alteração em sua condição atual (como alteração do estado civil e grau de instrução, por exemplo), pois os órgãos do governo federal (Caixa Econômica Federal, Ministério do Trabalho, Receita Federal e outros) utilizarão o eSocial como fonte para atualização das informações de seus sistemas.

Talvez o ponto mais crítico do projeto será a dificuldade de prestar informações retroativas. Os prazos legais dos eventos serão cobrados. Como por exemplo, toda admissão deverá ser informada ao eSocial até o final do dia que antecede a contratação. Alterações de contrato, como aumento de salário ou troca de função, deverão ser enviadas até o dia 07 do mês subsequente, a partir do momento em que ocorreram. Portanto, as empresas deverão determinar políticas mais rígidas para que os gestores cumpram os prazos estabelecidos para cada evento do eSocial.

Por todos estes motivos, o eSocial deve ser priorizado em 2017.

O ambiente de testes logo estará disponível.

Sua empresa já começou a se preparar?