Gestão da mudança em organizações | SISPRO
7691
post-template-default,single,single-post,postid-7691,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Gestão da mudança em organizações

Gestão da Mudança SISPRO Blog ERP

Cada vez mais cresce o uso da competência Gerenciamento de Projetos nas organizações, além de muito importante ela é um diferencial necessário para equilibrar fatores humanos e técnicos na gestão de projetos e para potencializar os ganhos. O Mundo corporativo encontra mais desafios de liderança e de mercado, as empresas buscam por ações que agreguem valores e façam com que elas se tornem mais competitivas e sólidas nesses tempos de mudanças e inovações. Em meio a tudo isso, como trabalhar com inteligência nesse cenário misterioso e atraente?

A gestão da mudança nas organizações, cada vez mais vem ganhando espaço nas companhias brasileiras. O objetivo é que as empresas formem seus comitês e incentivem seus colaboradores a conquistarem essa competência, ou contratarem consultorias especializadas no tema para que eles possam ajudar a implementar essas transformações necessárias, sempre trabalhando juntos para que possam realizar com sucesso os seus objetivos. Essas mudanças podem ser de processos, Recursos Humanos, Administrativas / Negócios ou tecnológicas.

A gestão da mudança não ocorre da noite pro dia, é preciso um tempo específico para implementação, e ainda assim, geralmente enfrenta resistência dentro das organizações. A gestão da mudança se faz necessária porque ela envolve um conjunto de estruturas, processos, ferramentas e técnicas que ajudarão indivíduos e equipes a se adaptarem ao novo. Para que haja o engajamento dos colaboradores é fundamental ter o suporte de uma metodologia focada em pessoas.

É muito importante a presença de um líder em um projeto de gestão de mudança, no papel de sponsor organizacional, ele atua como uma extensão do patrocínio junto às outras áreas. Independente da dimensão de atuação, o sponsor tem uma visão do que a empresa precisa alcançar, também explica a necessidade de mudança para os envolvidos. É também responsabilidade do sponsor organizacional se mostrar presente no processo de mudança, sendo acompanhado pelos sponsors locais.

Veja algumas forças de mudança:

Forças Externas:

-Globalização;

-Aumento da Competição;

-Mudanças Tecnológicas e Demográficas;

-Fatores econômicos;

-Exigências e expectativas dos clientes.

Forças Internas:

-Deficiência de Desempenho;

-Novas tecnologias;

-Nova liderança;

-Fusão e incorporação;

-Atitudes dos trabalhadores.

É fundamental maximizar a eficácia do processo da sinergia e o equilíbrio entre o estratégico, tático e o operacional, para fazer a conexão entre o propósito da mudança a ser realizada pela organização e a nova realidade do dia a dia das pessoas. Desta forma é possível garantir uma melhor aderência dos times ao processo de mudança e assim, fazer com que a iniciativa seja mais bem-sucedida.

O Coaching é uma poderosa ferramenta na Gestão de Mudanças que intervém na organização de acordo com suas diferentes necessidades de atuação e contribui para o melhor resultado pessoal, coletivo e potencialização dos resultados.

Sua empresa utiliza a ferramenta de Coaching? Conte sua experiência!

Por: José Roberto Marques

Fonte: ibccoaching.com.br

eBook: O que é e o que esperar de um ERPBlog SISPRO Assine Gestão Empresarial