Desafio na gestão empresarial: investimento em processos | SISPRO
7651
post-template-default,single,single-post,postid-7651,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Desafio na gestão empresarial: investimento em processos

Investimento em Processos SISPRO Blog ERP

Investir em processo não pode ser entendido como burocracia. Engana-se quem avalia desta maneira. Notadamente as empresas que ainda possuem em seu comando seus fundadores e os mantém à frente da operação têm dificuldades em garantir que a equipe que presta serviços à organização tenha clara noção de causa e efeito e respeite os processos que podem garantir ou não o sucesso nos negócios ou na atividade da organização.

Implantar processos é sequenciar atividades para que um determinado objetivo seja alcançado, sendo que um dos maiores desafios na rotina das organizações é garantir que todos os colaboradores os cumpram. Se isso é verdadeiro, não haverá dependência direta das pessoas, seria como se o fluxo interno andasse naturalmente. Evidentemente que as pessoas fazem a diferença na execução do que foi determinado, mas não dependerá de nenhum outro elemento para lembrar como isso deve ser feito.

Se pensarmos em franquias de sucesso vamos identificar que as mesmas, no fundo, não vendem seu produto, mas um processo que foi comprovado, na prática. É como se dissessem aos interessados em investir: eu já trilhei um caminho, já caí em buracos, já contornei adversidades e estabeleci um padrão na forma de operar, portanto, pague por isso que o caminho para o retorno ao seu investimento será o mais curto possível.

Os processos devem privilegiar a otimização do tempo. Um simples lembrete da data de reajuste de um contrato pode ser considerado um processo, mas é possível desenvolver outros importantes processos como aprovação de despesas de viagem, contratação de profissionais, compras de insumos, reserva de hotel, até chegar à apuração de resultados, entre outros. Tudo começa no mundo real, no dia a dia, chegando aos BI (Business Intelligence – inteligência de negócios) que permitem dar velocidade aos processos. Ocorre assim a virtualização dos mesmos, garantindo que cada etapa possa ser cumprida pelos atores envolvidos.

Evidentemente que os líderes das organizações precisam estar comprometidos com o cumprimento de tais processos. Se houver qualquer tolerância ao seu não cumprimento, o descrédito destruirá qualquer tentativa de implantação. A somatória dos processos desenvolvidos e implementados poderá representar o grande legado que os gestores das organizações deixarão para todos os seus colaboradores, agregando valor à marca.

Identificar a necessidade de um novo processo, desenhar seu fluxo, implementá-lo e colher resultados não são tarefas fáceis, contudo, podemos afirmar que estruturá-los pode representar a diferença entre sobreviver ou não o já tão concorrido mercado. Ainda o improviso é a tônica de sua empresa ou organização? Reveja com urgência e aposte na melhoria contínua, utilizando as ferramentas adequadas para que todos os processos sejam alicerçados, garantindo resultados que contemplem a satisfação de todos, inclusive financeira.

Sua empresa investe em processos constantemente? Deixe seu comentário!

Por: Reinaldo Cafeo

Fonte: jcnet.com.br

Prêmio Top Blog 2015

 

 

eBook: O que é e o que esperar de um ERP

 Blog SISPRO Assine Gestão Empresarial