6 maneiras em que o ERP auxilia na gestão de pessoas | SISPRO
1322
post-template-default,single,single-post,postid-1322,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

6 maneiras em que o ERP auxilia na gestão de pessoas

6 maneiras em que o ERP auxilia na gestão de pessoas

Dentre as áreas mais cruciais e demandantes de uma empresa está o departamento de Recursos Humanos. É da qualidade de seus gerentes e gestores que virão os profissionais mais talentosos e habilitados para garantir o sucesso da empresa.

Ao gerente de RH cabem as tarefas de: manter os funcionários satisfeitos e produtivos; resolver questões de saúde dos contratados; garantir o encaminhamento correto dos encargos trabalhistas e de demandas judiciais que envolvam os empregados; aperfeiçoar os modos de produção para propiciar conforto aos trabalhadores, entre outras.

Tudo isso envolve uma enorme quantidade de tarefas burocráticas que despendem tempo, estão sujeitas a erros com graves consequências e dificultam a dinâmica do setor. Para lidar com grande volume dados e informações e ainda produzir estratégias precisas de gestão de pessoas, os gerentes de RH podem recorrer a uma ajuda tecnológica: os sistemas de gerenciamento empresarial integrados ou ERP.

No post de hoje, listamos 6 maneiras em que um sistema ERP pode trazer para a gestão da área de pessoas na sua empresa.

1. Dando subsídios para decisões estratégicas

A partir de dados como cargo, salário, data de admissão, idade, formação e avaliação de desempenho de seus funcionários, a ferramenta é capaz de gerar planilhas e relatórios que lhe permitirão uma visão global do quadro de funcionários de que dispõe.

Isso facilita a verificação de carências e excessos de mão de obra, além de ajudar na tomada de decisões sobre demissões e promoções.

2. Permitindo dar prioridade aos assuntos que importam

Alguns processos de registro e de controle da atividade dos profissionais são demorados e extremamente demandantes do tempo da sua equipe. Quanto mais tempo os funcionários precisem dedicar à burocracia pura e simples, menos tempo sobra para que eles possam se empenhar em buscar soluções para outras questões da empresa e explorar a criatividade.

Para esse tipo de trabalho, ERPs são excelentes. Eles dinamizam esses processos criando rotinas eficientes para o cumprimento de tais tarefas, o que permite que os funcionários de RH dediquem mais tempo a atividades cruciais para o desenvolvimento da empresa, como a busca de talentos, a melhoria na comunicação da empresa com funcionários etc.

3. Disponibilizando um banco de dados de talentos à mão

Ferramentas de ERP permitem catalogar, organizar e armazenar de modo amigável para consulta a profusão de currículos que empresas de médio e grande porte recebem anualmente.

Ao classificar os candidatos de acordo com suas qualificações educacionais e profissionais, o sistema cria um banco de dados de colaboradores interessantes à empresa. Em caso de necessidade de preenchimento urgente de uma vaga, esses bancos de dados dão agilidade ao processo de contratação.

4. Oferecendo um planejamento de carreiras eficaz

Os sistemas ERP permitem que você produza rankings de funcionários e armazene informações sobre a trajetória de cada um dentro da empresa de acordo com as avaliações de desempenho feitas por gestores.

Isso traz racionalidade ao processo de promoções, facilitando a escolha de quem deve ascender ou mesmo ser demitido da empresa. Além disso, o sistema estimula o clima de meritocracia na companhia e traz inteligibilidade ao plano de carreiras do RH.

5. Gerindo as horas extras de maneira cuidadosa

Se a sua empresa costuma adotar horas extras, saiba que essa é uma das principais reclamações de ex-funcionários em processos trabalhistas. Para evitar problemas, informatize as informações sobre horas trabalhadas e o cálculo do que deve ser pago mensalmente.

O sistema pode também computar folgas obtidas, se sua empresa opta por sistema de banco de horas, e dar alertas sobre o período em que elas devem ser tiradas.

6. Diminuindo a possibilidade de erros humanos

A automatização dos processos de RH traz mais confiabilidade ao departamento pessoal porque diminui as chances de perda de documentação e de informações. Além disso, parte das tarefas se tornam automáticas, excluindo a possibilidade de erro humano na execução e trazendo agilidade ao setor.

Gerentes e gestores de RH que adotaram a ferramenta para melhorar sua gestão de pessoas não duvidam do acerto da decisão. Se esse ainda não é o seu caso, não perca tempo. Aprimore seus processos.

Para mais dicas sobre gestão de empresas, não deixe de assinar a nossa newsletter para não perder as novidades sobre o assunto.

Fonte: Sispro Software EmpresarialBlog SISPRO Assine Gestão Empresarial