Entenda por que o uso de ERP para varejo ajuda a combater o desperdício | SISPRO
7984
post-template-default,single,single-post,postid-7984,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

Entenda por que o uso de ERP para varejo ajuda a combater o desperdício

No mercado competitivo atual, a sobrevivência de empresas está diretamente relacionada ao investimento em tecnologia. Em se tratando de varejo, essa realidade não poderia ser diferente, sendo, inclusive, ainda mais acirrada. Nesse sentido, lojistas que investem em um software de gestão empresarial saem na frente e, principalmente, combatem o desperdício de tempo, pessoas e recursos. No post de hoje, queremos explicar como um ERP para varejo pode revolucionar o fluxo de trabalho e trazer excelentes resultados para as organizações.

O portal ERP listou alguns benefícios da implantação de um software ERP relatados por gestores. Sobre o combate ao desperdício nas empresas, destacam-se: redução de estoques (32%), redução de pessoal (27%), redução no tempo de ciclo de ordens (20%), redução de tempo de ciclo de fechamento contábil/financeiro (19%), redução de custos de TI (14%). Contudo, como isso é possível?

A centralização de informações e processos é um dos benefícios mais evidentes de um sistema de gestão empresarial – Enterprise Resource Planning, ERP na sigla em inglês, que expressa o Planejamento dos Recursos da Empresa. Ao utilizar esse tipo de sistema, uma rede varejista pode ter acesso, em um único banco de dados, a informações sobre estoques, produtos, vendedores e franquias, por exemplo. Isso faz com que o uso desenfreado de planilhas seja contido e, consequentemente, atinja-se um nível maior de organização empresarial, além de uma visão ampla da companhia.

Quando uma loja de roupas femininas, por exemplo, não dispõe da tecnologia de um ERP, o processo acontece da seguinte maneira: após ser lançada uma venda na planilha de cliente, é feita a baixa na planilha de controle de estoque que, por sua vez, atualiza o saldo do estoque. Em seguida, acontece a atualização do documento financeiro e assim sucessivamente, certo? Com um ERP para varejo, todas essas etapas acontecem de forma automatizada e sincronizada. O resultado é o fim do desperdício de tempo, pessoas e recursos.

Além da otimização de recursos possibilitada por um ERP, principalmente no varejo, é válido destacar o o aumento de vendas proporcionado por essa telecnologia – graças à verificação automática do recebimento ou de um retorno de um lançamento, por exemplo. A solução envia todo dia um relatório das propostas, status, além de ações a serem tomadas pelos gestores. O controle de todas as filiais também é plenamente acomodado por uma solução de ERP para varejo. Ferramentas mais robustas adicionam o fator mobilidade a esse contexto, que possibilita o acesso ao sistema a partir de tablets e smartphones de qualquer lugar.

No melhor acompanhamento das vendas e dos próprios clientes há, portanto, um aumento na vantagem competitiva das lojas de uma rede de varejo. Enquanto o maior controle de estoques, maior giro e eliminação de perdas e rupturas garantem o aumento da lucratividade, também há o acesso a melhores preços a partir de um processo de compras preciso e ágil. Outro aspecto a ser destacado do uso dessas soluções no varejo é o atendimento a todas as obrigatoriedades fiscais e legais do segmento, tais como SPED, eSocial, PDV, ECF, NFC-e, NF-e, e TEF.

Após conhecer todos os benefícios desse tipo de tecnologia, você deve estar se perguntando se um ERP comporta melhor pequenos, médios ou grandes varejistas, não é mesmo? Pois saiba que existem soluções no mercado, como o Sispro ERP, capazes de acompanhar o crescimento das lojas e, portanto, ser útil a variados perfis de estabelecimentos. Isso porque há módulos distintos de uma mesma tecnologia, que se adaptam à realidade de cada empresa.

De acordo com pesquisa realizada pelo Aberdeen Group, calcula-se que só 27,6% das funcionalidades disponíveis em um ERP são utilizadas. Há, portanto, uma infinidade de recursos a ser descoberta e contribuir às empresas. Você está disposto a testar uma solução dessas?

Restou alguma dúvida sobre o funcionamento de um ERP para o varejo? Não deixe de nos questionar pelos comentários abaixo.

Por Equipe Sispro 

Fonte: Sispro Software Empresarial – 05/12/14

Blog SISPRO Assine ERP