7 dúvidas mais comuns sobre ERP na nuvem | SISPRO
7944
post-template-default,single,single-post,postid-7944,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

7 dúvidas mais comuns sobre ERP na nuvem

Você está pensando em adquirir um ERP em Cloud Computing (computação em nuvem), mas tem dúvidas sobre a eficiência do sistema? Pensando nisso, preparamos uma lista com as 7 dúvidas mais comuns sobre ERP na nuvem. Acompanhe!

1 – É seguro ter um ERP na nuvem na minha empresa?

Ao contrário do que se acredita, manter uma infraestrutura interna é menos seguro do que ter um bom fornecedor de Cloud. A segurança da informação requer constante atuação tecnológica, além de investimento em hardwares e na segurança patrimonial para evitar invasões cibernéticas e físicas que coloquem os dados corporativos em vulnerabilidade.

Um bom fornecedor de ERP na nuvem garante total segurança, pois os datacenteres são equipados com tecnologia de ponta e estão em constante manutenção. Como os provedores atendem a várias empresas, os custos com a segurança se torna muito menor, pois é rateado.

2 – É muito caro adquirir e manter um ERP na nuvem?

Não, definitivamente não é caro. É, inclusive, em médio e longo prazo, mais barato do que o modelo tradicional. Como o modelo de comercialização da nuvem é feito no modelo de assinatura, sua empresa só pagará pelas funcionalidades que contratar, evitando adquirir módulos inteiros que não precisarão ser utilizados. Não é necessário adquirir a licença de uso e, além disso, suporte e atualizações podem ser feitos em real time, evitando que sua equipe precise parar para fazer intervenções máquina a máquina – e, nós sabemos, equipe parada é perda de dinheiro!

3 – É verdade que o ERP na nuvem é mais lento?

Não, não é verdade. Como a utilização e o processamento das formações é feito online, o fornecedor do ERP na nuvem irá, juntamente com sua equipe de TI, pensar um modelo de banda que dê conta do tráfego de dados. Utilizar soluções tecnológicas via web costuma deixar as máquinas dos usuários mais leves e rápidas, inclusive.

4 – Minha empresa deve se adaptar ao ERP na nuvem ou o ERP se adapta ao meu negócio?

Um dos grandes trunfos da computação em nuvem é a flexibilidade e a escalabilidade. O que isso significa? Significa que um ERP na nuvem pode ser implantado de forma modular, atendendo à quantidade exata de usuários de forma eficiente e ágil e, sempre que precisar, pode ser alterado para atender às demandas do seu dia a dia corporativo. Por exemplo, se você tem cinco pessoas operando as ferramentas de controladoria e precisar contratar outras três, com rapidez pode solicitar ao fornecedor mais acessos ao ERP. Portanto, é o ERP na nuvem que se adapta às particularidades e necessidades da sua empresa.

5 – Como é o suporte e atendimento do fornecedor de ERP na nuvem?

Os níveis de serviços devem ser acordados previamente entre sua empresa e o fornecedor de Cloud Computing, e pode, inclusive, ser alterados conforme suas necessidades mudarem e acordo entre as partes. Significa que você terá suporte e atendimento conforme estabelecido em contrato, o que dá à sua empresa mais previsibilidade quanto aos serviços.

6 – Vou precisar contratar especialistas em Cloud para fazer a transição do ERP tradicional para a nuvem?

Certamente você não vai precisar contratar um guru de computação na nuvem, até porque a Cloud facilita muito o processo. Muito pelo contrário, sua equipe de TI aprenderá com rapidez a lidar com o ERP na nuvem e um bom fornecedor deve te dar todo o suporte para que a implantação seja rápida e impacte o menos possível na sua operação.

7 – Como posso ter certeza que eu sempre terei acesso aos meus dados dentro do ERP na nuvem?

Um provedor de nuvem deve ser capaz de delinear acesso, segurança, serviços, suporte e outros detalhes em um acordo de nível de serviço. Estes acordos detalham, por exemplo, o que acontece se houver uma queda de energia ou se o provedor de nuvem sair do ar, para que o seu negócio seja protegido.

Por isso, é importante fechar negócio com um provedor confiável, que tenha planos de contingência e poder tecnológico para agir rapidamente e minimizar os impactos quando acontecerem problemas. Mas, fique tranquilo, como falamos, o ERP armazenado na nuvem é muito mais confiável do que internamente.

Ainda ficou com alguma dúvida sobre as vantagens do Cloud Computing? Escreva pra gente pelos comentários.

Fonte: Equipe Sispro Software Empresarial

Blog SISPRO Assine ERP