O Comodato na Escrituração Contábil Fiscal - ECF | SISPRO
7570
post-template-default,single,single-post,postid-7570,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
 
Blog

O Comodato na Escrituração Contábil Fiscal – ECF

O comodato é o empréstimo gratuito, para uso temporário, de bem infungível  (que não pode ser substituído por outro de mesma espécie, qualidade e quantidade), que deverá ser devolvido dentro de prazo predeterminado (ou após o uso), mediante contrato. O comodato se não fosse gratuito, seria locação.

A pessoa que empresta o bem (proprietário) é chamada de “comodante” e a pessoa que o recebe (detém sua posse) é chamada de “comodatária”. Ao final do contrato, a posse do bem cedido retorna ao comodante.