MRP I - Sistema de Produção

MRP I - Sistema de Produção

MRP I  – Planejamento e Controle da Produção

  • Automatiza e gerencia os processos de produção da área industrial.
  • Apoia a área de engenharia de processos por meio do cadastro de novos produtos, arquivamento de imagens e definição de suas características.
  • Flexibiliza a criação de estruturas de produtos vinculadas aos roteiros e ordens de produção.
  • Controla demandas de estoque dentro do conceito de MRP-1.
  • Executa o Acompanhamento e Controle da Produção.

O SISPRO MRP I é uma ferramenta que automatiza e gerencia as rotinas da área industrial.

As atividades exercidas nos três níveis hierárquicos de planejamento e controle da produção dentro de um sistema produtivo são:

Nível estratégico:

  • Define as políticas estratégicas de longo prazo da empresa.
  • O MRP I participa da formação do Planejamento Estratégico da Produção.
  • Gera Plano de Produção.

Nível tático:

  • Estabelece os planos de médio prazo para a produção.
  • O MRP I desenvolve o Planejamento-mestre da Produção.

Nível operacional:

  • Prepara os programas de curto prazo de produção e realiza os acompanhamentos.
  • O MRP I prepara a Programação da Produção, administra estoques, sequência, emite e libera as Ordens de Fabricação, Ordens de Serviços, Ordens de Compras, Ordens de Montagem.

O que se espera do MRP I:

  • Planejar as necessidades futuras de capacidades da organização.
  • Planejar as compras de materiais.
  • Planejar os níveis adequados de estoques de matérias-primas, semi-acabados e produtos finais.
  • Ser capaz de informar a situação corrente dos recursos e das ordens de produção, requisições de materiais, requisições de ordens de compra e ordens de serviço emitidas para beneficiamento.
  • Ser capaz de planejar os menores prazos.

Conceito básico:

Conceito do sistema envolve a introdução da técnica do MRP I – Planejamento de necessidades de materiais, que simplifica a gestão dos materiais comprados ou fabricados, permitindo efetuar a rastreabilidade de todo o processo produtivo.

A solução proporciona:

  • Redução de custos do estoque e da gestão de custo dos recursos investidos.
  • Melhora na eficiência da programação, uma vez que, no processo de planejamento de produção, todos os dados da manufatura estarão completos, reduzindo-se os desperdícios de tempos e materiais.
  • Reação rápida às mudanças  do mercado, segundo os novos requerimentos de clientes e fornecedores.
  • Disciplina e prioridade à produção, dispensando os custos da administração tradicional que envolvem controles manuais dos processos e das ordens de produção e ordens de serviços.
  • Controle do inventário.
  • Efetua simulações.
  • Auxilia na estruturação de produtos, quando integrada com a Engenharia de Produtos.

Cadastre-se na Newsletter: