Blog

Como determinar se uma empresa precisa investir em um CRM

investir-crm

Embora um software completo de gestão ofereça diferentes vantagens e usabilidades, é comum ficar em dúvida na hora de investir. Ainda mais complicado pode ser compreender a necessidade de adquirir um sistema como um CRM.

Além da falta de conhecimento assertivo que corrobora para deixar esse investimento de lado, muitos empreendedores acreditam se tratar de uma solução voltada apenas para as grandes empresas.

Esse pensamento não poderia estar mais distorcido e errado. Isso porque, indiferente ao porte do negócio, o software de gestão traz inúmeras vantagens e aplicações.

Quer saber se sua empresa precisa investir em um CRM, a fim de aprimorar a relação com os clientes? Separamos 6 indícios que mostram que você precisa implementar uma solução de forma urgente, pois não sabe o que está perdendo. Confira!

6 indícios para uma empresa investir em um CRM

por que investir em um crm

1 – Ausência de engajamento em novos negócios

Um dos primeiros sinais observados e que denota necessidade de um sistema específico de gestão, é a escassez de novos negócios. Isso se deve em partes, pela falta de conhecimento acerca do atual posicionamento dos clientes.

Procurar entender como anda o relacionamento do cliente com o empreendimento é fundamental para diversos aspectos. O principal é fornecer informação relevante ao seu time de vendas, pois sem isso, os procedimentos comerciais podem se deteriorar rapidamente.

2 – Relacionamento defasado com os clientes

Tratar todos os clientes da mesma forma e assumir que todos estejam na mesma etapa de compra, é um erro grave. Isso denota processos defasados e pouco efetivos na definição e resolução das demandas dos consumidores.

Caso perceba que os relacionamentos se tornaram muito superficiais é porque houve um desgaste ali. Desgaste ocasionado pela falta de estímulo e trocas renovadas de experiências e saiba que isso é facilmente contornado com um CRM.

3 – Processos falhos e pouco eficientes

Se tiver dificuldades para observar seus processos, a fim de determinar ineficiência, realize uma análise do processo de vendas. Se não houver alinhamento do setor de vendas com as estratégias traçadas todo o trabalho pode ir por água abaixo.

Além disso, os custos do empreendimento como um todo, podem se tornar um grande fardo para a gestão financeira. No entanto, mais negativo do que o aumento dos custos é a falta de agilidade para atender as necessidades dos clientes.

Esses são sinais claros de que os métodos implementados e em funcionamento há tempos, já não suprem mais a demanda atual. Por outro lado, com a aquisição do CRM é viável ampliar a eficiência na resolução das demandas relacionadas aos clientes.

4 – Descentralização e desorganização das informações e dados

Você sabe que o negócio vai de mal a pior quando percebe que simples processos demandam muito tempo, equipe e recursos. Uma empresa não pode simplesmente acreditar que processos comuns devam forçar ao máximo a equipe.

Pelo contrário, quanto mais simples é a tarefa a ser desempenhada, mais simples e eficaz deve ser a resolução.

Vamos supor que a gestão esteja com dificuldades para implementar novos registros. Se integrar novos registros já é complicado, como não deve ser a organização e o gerenciamento, não é mesmo?

Sendo assim, se perceber que chegou num ponto onde inserir, modificar, gerenciar, organizar e ampliar a base de informações dos clientes, se tornou um pesadelo, é passada a hora de investir em um CRM.

5 – Falta de acuracidade nos relatórios

Já vimos em outro conteúdo, que a estratégia proporcionada pelo CRM permite encontrar brechas nos processos atuais. Esse quinto indício fortalece ainda mais essa definição, pois trata diretamente dos relatórios fornecidos pela gestão e sistema.

Quando a gestão passa a analisar relatórios imprecisos, ou seja, sem acuracidade ou realidade alguma, toda a estratégia é prejudicada. Além disso, se torna complexo encontrar os pontos fortes e fracos, com o intuito de redirecionar a tomada de decisão.

Se os relatórios forem criados a partir de processos manuais, esse cenário se torna ainda mais precário. Afinal, como remodelar a abordagem aos clientes se não houver definição de métricas relevantes ou análise de indicadores-chave? A resposta é investir num sistema de gestão.

6 – Equipe pouco ágil e sem recursos

Com a integração dos principais setores indispensáveis para uma estratégia vigorosa, o CRM viabiliza uma equipe mais unificada. Seu negócio possui equipes externas e internas, que precisam estar em contato constante?

É primordial estimular processos dinâmicos para descartar a utilização de planilhas e outras ferramentas inadequadas. Através da integração do software de gestão de clientes, todas as equipes compartilham as mesmas informações.

Isso garante maior centralização e assertividade na tomada de decisão, seja em qual etapa for.

E agora? Já consegue enxergar os pontos que precisam de mudanças em sua empresa? Investir em um sistema de CRM é a decisão mais cabível para seu empreendimento crescer e ostentar relações ímpares com os clientes!