Blog

O que é ERP Preditivo?

erp preditivo

ERP Preditivo, ou Smart ERP, são softwares de gestão capazes de prever situações, a partir do cruzamento de dados e informações armazenadas nessas plataformas. Ou seja, a partir de uma análise sobre determinado histórico, é possível fazer a previsão de riscos operacionais e até emitir alertas para tarefas que tendem a ser improdutivas. Além disso, o ERP Preditivo consegue comparar e calcular níveis de estoques.

Essa ferramenta tecnológica utiliza recursos como o Business Intelligence e sistemas de planejamento para gerar resultados assertivos. No mercado de varejo, essa tecnologia é cada vez mais adotada não só para otimizar processos internos da equipe, como a reposição de produtos no ponto de venda (PDV), mas também para criar uma melhor experiência para o shopper.

O cliente poderá receber pelo celular indicações de produtos e promoções, ao visitar o PDV, a partir do seu histórico de compras. Além disso, pode receber alertas para não esquecer algo de sua lista de compras. Essas informações do cliente também ficarão armazenadas e podem ser usadas para que o varejo promova melhorias no PDV, como localização de produtos, otimização do espaço, melhorias no vitrinismo e personalização.

Conceitos por trás dos ERPs Preditivos

Para que haja mais funcionalidade e praticidade em um ERP Preditivo, alguns conceitos não podem ser esquecidos. Compreender melhor o funcionamento dessas ferramentas exige o conhecimento de alguns fatores que sustentam a tecnologia aplicada ao ERP Preditivo:

Business Intelligence

Essa é a metodologia aplicada no armazenamento de informações e dados, e na análise a partir desse histórico gravado na plataforma. Ou seja, é a partir do Business Intelligence que o ERP Preditivo consegue fazer análises que irão gerar previsões. Na realidade, as previsões dessas plataformas acontecem com um embasamento seguro nas informações e dados que já ocorreram no processo do varejo ou no comportamento do shopper.

Data Mining

Em português, data mining significa mineração de dados ou então prospecção de dados. Essa é uma técnica para lidar com grandes proporções de dados e encontrar padrões, como uma mineração mesmo, em que há uma escavação em busca de pedras preciosos. No caso, esses cristais são dados importantes, que se repetem e podem gerar análises e previsões. O “padrão” desses dados está na repetição, na frequência, no padrão de intervalos de tempos, ou momentos de picos da ocorrência, entre outros fatores que podem agrupar dados e informações.

Internet das Coisas

Apesar de ter um nome estranho e bastante amplo, a Internet das Coisas é um recurso tecnológico cada vez mais presente no cotidiano. A internet das coisas consiste em criar conexão de aparelhos tecnológicos do cotidiano (eletrodomésticos, máquinas, meios de transportes) à internet. Ou seja, é permitir que esses itens consigam transmitir informações por meio da internet à determinada plataforma. Para o varejo, esse recurso pode significar mais assertividade e integrar o ambiente do PDV ao software utilizado para fazer análises e até mesmo prever quando o shopper terá demanda por determinado produto.

Softwares de Planejamento

Esse é um recurso tecnológico mais conhecido pelas empresas e que também é empregado no ERP Preditivo. São plataformas que armazenam dados e possuem funcionalidades para gerar relatórios e outros tipos de planejamento.

 

 



Cadastre-se na Newsletter: