Blog

4 dicas que aliviam o estresse no trabalho e aumentam a produtividade

como aliviar o estresse no trabalho

Toda empresa possui suas demandas específicas, seja na entrega de projetos ou no aumento da produtividade. Contudo, essa carga de responsabilidades acaba absorvida pelos colaboradores e influencia diretamente no aumento do estresse no trabalho.

Esse mal atual, por sua vez, influi diretamente na produtividade dos profissionais e reflete até mesmo na lucratividade do negócio. Portanto, o desafio das empresas hoje é conseguir driblar essa constante negativa que assola grande parcela dos empreendimentos brasileiros.

Visando amenizar os problemas enfrentados diariamente pelos colaboradores e gestores, elencamos 4 dicas que aliviam o estresse no trabalho. Além disso, veja 2 vantagens da redução do esgotamento físico e mental de seus profissionais!

Estresse no trabalho: 4 dicas para aliviar a tensão e ampliar a produtividade

1 – Estipular com rigor os limites da jornada de trabalho

Em um cenário corriqueiro o colaborador acaba levando trabalho para casa, seja na análise de um relatório ou ao responder um e-mail. Muitos acreditam que isso seja o significado de eficiência, pois até mesmo fora do ambiente de trabalho o profissional atende suas demandas.

Contudo, esse cenário é completamente negativo, pois estende a jornada de trabalho dos colaboradores. Se o profissional já desempenha uma carga excessiva na empresa, um simples email pode ser o fator desencadeante do estresse no trabalho.

Procure manter as demandas dentro do horário comercial, conforme mostra aos gestores a importância de aguardar o próximo dia útil para solucionar qualquer tipo de tarefa.

2 – Analisar profundamente todos os gatilhos que geram estresse

É imprescindível que a gestão empresarial em si identifique cada um dos gatilhos que podem disparar um evento estressante. Os principais sinais são: irritabilidade em excesso, mudança de humor constante, ansiedade, redução da produtividade e falta de paciência.

Ao serem identificados fica simples tomar atitudes e ações que amenizam esses sintomas. No longo prazo, a empresa reverte a taxa de estresse e a transforma em números produtivos. Invista na saúde mental dos colaboradores. Implemente insights matinais sobre: “Como fazer diferente hoje?”.

Uma simples abordagem diferenciada sobre a jornada de trabalho à frente é capaz de proporcionar perspectivas e expectativas positivas.

3 – O nível controlado de estresse no trabalho pode ser convertido em produtividade

O que será do dia a dia de trabalho sem um elemento emocionante, não é mesmo? Sendo assim, os gestores podem estimular o alcance de metas e objetivos se utilizando do próprio estresse do colaborador, claro, de forma positiva.

Uma excelente maneira de colocar esse contexto em prática é por meio da definição de prazos tangíveis. De nada adianta definir uma data de entrega inalcançável, pois apenas irá gerar mais estresse no trabalho e colocará os colaboradores em uma posição delicada.

Promova a satisfação de terem atingido o almejado ao criar uma janela positiva para a entrega de qualquer demanda.

4 – Organize e priorize a rotina de trabalho dos colaboradores

O simples fato de organizar e trazer a priorização das demandas à tona é capaz de eliminar o cansaço. Dessa maneira, quando o colaborador se sente sobrecarregado, pode apostar, ele está a um passo de implodir em estresse e tudo mais que essa condição agrega.

Alinhe algumas etapas fáceis de serem seguidas que irão alavancar a jornada de trabalho, tais como;

·       Torne as metas e priorizações mais transparentes;

·       Defina até 3 elementos semanais como foco das atenções, afinal não há prioridade se tudo for prioridade;

·       Estabeleça prazos tangíveis e realistas de acordo com o cronograma;

·       Estimule, acima de tudo, a gestão a não comprometer grandes partes da agenda dos profissionais;

·       É essencial delegar tarefas e responsabilidades de acordo com a capacidade de cada um;

·       Invista em palestras e campanhas internas, promovendo a saúde física e mental.

Vantagens da redução do estresse no trabalho

Separamos 2 benefícios realmente importantes para as empresas que buscam eliminar ou ao menos reduzir o estresse no trabalho, confira!

Redução drástica dos afastamentos e problemas judiciais

Quando a empresa possui grandes números de afastamentos, devido a diversos problemas de saúde, inclusive estresse, ela perde em produtividade. Afinal, será necessário criar um planejamento, a fim de encontrar o equilíbrio para atender às demandas diárias.

Além dos afastamentos os problemas judiciais acabam se tornando recorrentes. Nesse contexto temos: esforço repetitivo; insalubridade presente; poucas condições de trabalho; horas extras não computadas.

A saúde mental e física do colaborador influencia diretamente para o estresse no trabalho e no financeiro do empreendimento. Desse modo, uma saída para eliminar esses 2 problemas é realizar constantes campanhas de prevenção que, aliadas às boas práticas, são capazes de estimular o bem-estar dos profissionais.

Diminuição da taxa de absenteísmo

Segundo o Ministério do Trabalho, acontecem em torno de 700 mil ocorrências de acidentes de trabalho todos os dias nas empresas. Isso implica na saúde do colaborador e aumento do estresse no trabalho.

As elevadas taxas de absenteísmo estão associadas às dores decorrentes de esforços repetitivos e excessivas jornadas de trabalho. Portanto, com o intuito de reduzir o absenteísmo é imprescindível implementar o acompanhamento diário.

Quando a gestão conhece os problemas que afligem os colaboradores fica mais simples combater futuras doenças relacionadas ao estresse no trabalho. Afinal, a prevenção é ainda a melhor ferramenta e deve ser estimulada diariamente.

O que você faz para reduzir o estresse no ambiente de trabalho da sua empresa? Lembre-se: colaboradores saudáveis são o reflexo de uma empresa que compreende a importância de combater tais adversidades, a fim de desenvolver uma cultura organizacional pautada no bem-estar e respeito aos profissionais.